Em união com todos os Santos Anjos

"Sanctus, Sanctus, Sanctus. Dóminus, Deus Sábaoth Pleni sunt caeli et terra Glória tua. Hosánna in excélsis. Benedíctus, qui venit In nómine Dómini, Hosánna in excélsis.

segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Hoje a Igreja celebra o nascimento de João Batista



Evangelho (Lc 1,57-66)

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Completou-se o tempo da gravidez de Isabel, e ela deu à luz um filho. Os vizinhos e parentes ouviram dizer como o Senhor tinha sido misericordioso para com Isabel, e alegraram-se com ela. No oitavo dia foram circuncidar o menino, e queriam dar-lhe o nome de seu pai, Zacarias. A mãe porém disse: “Não! Ele vai chamar-se João”. Os outros disseram: “Não existe nenhum parente teu com esse nome!” Então fizeram sinais ao pai, perguntando como ele queria que o menino se chamasse.
Zacarias pediu uma ta­bui­nha, e escreveu: “João é o seu nome”. No mesmo instante, a boca de Zacarias se abriu, sua língua se soltou, e ele começou a louvar a Deus. Todos os vizinhos ficaram com medo, e a notícia espalhou-se por toda a região montanhosa da Judeia. E todos os que ouviam a notícia, ficavam pensando: “O que virá a ser este menino?” De fato, a mão do Senhor estava com ele.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.


Zacarias e São Gabriel

Zacarias, o sacerdote entra no santuário para oferecer incenso diante de Deus. Então, São Gabriel aparece para ele e anuncia o cumprimento de suas orações, o nascimento de um filho, o precursor, que deve preparar o caminho para o "Cordeiro de Deus". É a mensagem divina que Gabriel proclama. Em toda a Escritura as teofanias de Deus foram sempre acompanhados por anjos, e realmente era, através da mediação angélica (ver Isaías, Moisés, Daniel, Ezequiel, Elias, Gideão, Abraão, etc). Como São Tomás de Aquino aponta, todas as aparições angélicas levam a uma preparação para a aparição final em que o próprio Deus.
Zacarias orou e orou - agora sua oração é ouvida - e ele ainda duvidou da palavra de Gabriel. Quão débil é a oração do homem, como trêmula é nossa fé! Graças a Deus que o homem tem orado e ansiando pela vinda do Redentor. Era o anjo que orou: "Ó Senhor dos Exércitos, até quando te não tem compaixão de Jerusalém e das cidades de Judá a qual tu foste indignação tinha esses 70 anos?" (Zc 1, 12) Foi o que Querubins orado e adorado dia e noite na placa propiciatório esperando, implorando e esperando a vinda do Cordeiro. Foi um anjo que disse: Eu é que "trouxe uma lembrança de suas orações antes de o Santo, ... que apresentam as orações dos santos e entrou na presença do Santo" (Tob. 12, 12.15) . No céu, um anjo oferece-se as orações de todos os santos sobre o altar de ouro diante do trono de Deus (Ap 8,3) .

Os anjos são os primeiros adoradores e intercessores diante do trono de DEUS. É por isso que a Igreja deseja ter nossas vozes unidas com a deles em seu hino interminável de louvor: "Santo, Santo, Santo, Senhor Deus dos Exércitos, .... Bendito o que vem em nome do Senhor."